Open Conference Systems, VIII Congresso Nacional de Administração e Contabilidade - AdCont 2017

Tamanho da fonte: 
Violência Contra a Mulher e Políticas Públicas: Uma Análise multivariável acerca dos Homicídios de mulheres no Brasil entre 1981-2014
Clayton Gonçalves, Eduardo Ayrosa

Última alteração: 2017-08-29

Resumo


O propósito deste estudo é analisar os Homicídios de Mulheres no Brasil sobre uma perspectiva de fatores sociais e econômicos no período compreendido entre 1981-2014 baseado na Violência contra a Mulher e nas Políticas Públicas existentes de combate a este problema social. Para realizar isso, dividimos o estudo em sete etapas. Iniciamos apresentando uma seção sobre a Violência e então, apresentamos a Violência contra a Mulher. Na terceira etapa, apresentamos de forma concisa sobre o que são Políticas Públicas e em seguida apontamos as Políticas Públicas que combatem a Violência contra a Mulher. Na quinta etapa é apresentado o método, em que utilizamos uma regressão linear múltipla com nove variáveis sociais e econômicas para compreender o fenômeno. Na sexta etapa são apresentados os resultados encontrados, com um modelo final composto por uma variável social e uma econômica com predição de 96, 4% (R² = 0,964). E assim, concluímos que as políticas públicas existentes não estão sendo eficaz no enfrentamento a violência contra a mulher, em que observamos que a variável social Anos de estudo ao invés de agir como um redutor do problema social está altamente correlacionado ao problema social. Este estudo pretende contribuir para os estudos relacionados às políticas públicas no que tange a violência contra as mulheres, buscando trazer uma compreensão sobre este problema social.

Texto completo: PDF