Open Conference Systems, II Congresso Nacional de Administração e Ciências Contábeis - AdCont 2011

Tamanho da fonte: 
CONTROLE DO CAPITAL INTELECTUAL: UM MODELO APLICADO À GESTÃO DOS ATIVOS DO CONHECIMENTO
Ricardo Vinícius Dias Jordão

Prédio: Faculdade de Economia e Finanças IBMEC
Sala: Sala 3
Data: 2011-10-13 11:00  – 12:30
Última alteração: 2011-09-25

Resumo


A gestão do conhecimento (GC) e o capital intelectual (CI) têm sido temas de grande relevância no meio acadêmico e empresarial. A literatura sugere que há lacunas de pesquisa que precisam ser mais bem compreendidas derivantes das dificuldades encontradas pelos estudiosos e pelas empresas em gerenciar, dimensionar e controlar os ativos formadores do CI. A pesquisa descrita neste artigo teve o objetivo de propor um modelo teórico-conceitual que colabore no controle do CI e na GC. Nesse intuito, discutiu-se o design do SCG e analisaram-se estudos prévios que indicassem alternativas que permitissem a proposição do modelo em questão. Os resultados da análise realizada expandem o conhecimento do tema e ajudam a preencher a lacuna de pesquisa ora existente evidenciando que: (1) um desenho adequado do SCG pode contribuir para a externalização de parte do conhecimento tácito, transformando-o em explícito por meio da aculturação dos membros da empresa; (2) a cultura organizacional ajuda a disseminar e sistematizar o conhecimento na empresa; (3) o controle cultural pode colaborar para integrar o conhecimento, gerenciá-lo e transformá-lo em CI; e (4) o SCG pode colaborar no processo de socialização do conhecimento individual e de institucionalização do conhecimento coletivo gerando valor para as empresas.


Texto completo: PDF