Open Conference Systems, III Congresso Nacional de Administração e Ciências Contábeis – AdCont 2012

Tamanho da fonte: 
Abordagem Sistêmica para o Estudo da Competitividade de Destinos Turísticos
Carlyle Tadeu Falcão de Oliveira, Deborah Moraes Zoauin

Prédio: Universidade Estácio de Sá
Sala: Sala 1
Data: 2012-10-10 05:00  – 05:30
Última alteração: 2012-09-24

Resumo


O turismo tem despertado o interesse das nações pelo fato de ser uma atividade promotora de desenvolvimento socioeconômico. Ser preferido como destino turístico entre tantos outros, significa para a localidade receptora mais renda, emprego e tributos. Por isso, entender o fenômeno da competitividade no turismo entrou para a pauta de acadêmicos, assim como saber de que maneira incrementá-la passou a nortear as ações de governos e países. Este ensaio tem por objetivo apresentar a abordagem sistêmica do turismo para se estudar a competitividade em destinos turísticos. Neste trabalho, a teoria de sistemas é usada para o estudo do turismo e para compreensão da funcionalidade da estrutura subjacente aos elementos responsáveis pela competitividade de um destino. O levantamento de diversos modelos, que se propõe a analisar a competitividade no turismo, mostrou que se privilegia a abordagem estática em detrimento da dinâmica e que todas as dimensões da sustentabilidade não estão contempladas nesses estudos. Contrapondo os trabalhos sobre competitividade da literatura com o enfoque sistêmico adotado neste ensaio, propõem-se algumas contribuições teóricas sobre o tema: o município como unidade de análise da competitividade; a capacidade de reconfiguração das redes e clusters no destino; a gestão compartilhada; e a realimentação do sistema turístico.


Texto completo: PDF