Open Conference Systems, III Congresso Nacional de Administração e Ciências Contábeis – AdCont 2012

Tamanho da fonte: 
Relações de Co-autorias na Revista Eletrônica de Administração: análises e perspectivas
Ariel Behr, Caterina Marta Groposo Pavão

Prédio: Universidade Estácio de Sá
Sala: Sala 2
Data: 2012-10-09 04:30  – 05:00
Última alteração: 2012-09-23

Resumo


A cooperação científica em termos de co-autoria vem permitindo a realização de estudos na área de redes sociais. O artigo escrito em co-autoria não consegue refletir a real cooperação entre os autores, uma vez que a co-autoria de um artigo está relacionada ao contexto social e tecnológico em que se encontram os colaboradores. O objetivo deste artigo esteve em analisar as relações de co-autorias em um periódico da área de Administração, para encontrar padrões de cooperação na publicação de seus artigos. Para tanto foi escolhida a Revista Eletrônica de Administração – REAd, sendo traçados os seguintes objetivos específicos, (i): contabilizar a quantidade de artigos publicados por autor; (ii) identificar a instituição de vínculo dos autores; contabilizar os artigos em co-autoria e em autoria única e; (iii) identificar os assuntos mais abordados nos artigos, de acordo com indexação atribuída pela Biblioteca da Escola de Administração da UFRGS.          Para tornar mais claro o tema tratado foram trazidas referências acerca das temáticas de Redes Sociais na Ciência e de Contribuições da Co-autoria. A pesquisa teve como objeto de estudo os artigos publicados na REAd entre os anos de 1995 e 2010, a coleta desses artigos realizou-se uma busca no SABi - Sistema de Automação de Bibliotecas da UFRGS. Com base nesses critérios foram recuperados 514 artigos da REAd incluídos no SABi pela biblioteca da Escola de Administração. Utilizou-se na análise dos dados uma abordagem quantitativa que permitiu, além do apoio às análises de rede, obter informações estatísticas complementares sobre o comportamento da Revista no que tange ao número de artigos publicados. Foi possível verificar que a rede de co-autoria da REAd é uma rede pouco conectada, muitos artigos são de autoria única, os quais foram excluídos da análise, ou de autoria dupla sem conexão com grupos maiores ou atores mais centrais da rede.


Texto completo: PDF