Open Conference Systems, III Congresso Nacional de Administração e Ciências Contábeis – AdCont 2012

Tamanho da fonte: 
• Valor de Consumo do Corpo Feminino: Uma Aplicação da Tipologia de Holbrook
Karla Andrea Dulce Tonini, João Felipe Rammelt Sauerbronn

Prédio: Universidade Estácio de Sá
Sala: Sala 4
Data: 2012-10-11 12:00  – 12:30
Última alteração: 2012-09-24

Resumo


O objetivo do presente artigo é investigar e descrever como as mulheres percebem o valor de consumo de seus corpos. Para tanto, os autores caracterizam o corpo feminino como objeto de valor e procuram entender os valores associados ao consumo do corpo feminino. O desenvolvimento dessa proposta envolve duas opções de caráter ontológico: 1) a perspectiva de objetificação do corpo, baseada na relação dualística entre um sujeito (o individuo) e um objeto (o corpo); e 2) a adoção da perspectiva de corpo transformado em capital e alvo de investimentos de Goldenberg e Ramos (2007). Esses dois movimentos ontológicos permitiram que fosse utilizada uma teoria advinda dos estudos de consumo para tratar o valor de consumo do corpo. Dessa forma, a tipologia de Holbrook (1999) foi utilizada com objetivo de auxiliar o levantamento das categorias de valor de consumo do corpo feminino e orientar as análises a respeito do valor de consumo do corpo. O corpus de dados é constituído de quinze entrevistas longas em profundidade, conforme proposto por McCracken (1988), feitas exclusivamente com mulheres. As entrevistas foram transcritas e analisadas a partir de análise de conteúdo proposta por Bardin (1977). Ao fim, os autores apresentam sete tipos de valor de consumo do corpo, dentre os oito propostos por Holbrook (1999). Além disso, são apresentadas outras questões relevantes com relação ao corpo feminino: a mídia que configura corpos ‘virtuais’ como fonte de significados para o corpo feminino; o prazer e o sacrifico experimentados pelas mulheres quando investem no corpo; e uma descrição particular a respeito do corpo como capital e lócus de potencial competitivo da mulher.


Texto completo: PDF