Open Conference Systems, VI Congresso Nacional de Administração e Contabilidade - AdCont 2015

Tamanho da fonte: 
A Política de Recompensa e Sua Influência na Motivação do Trabalhador
Marcio Gonçalves de Pinho, Tara Keshar Nanda Baidya, Marta Corrêa Dalbem

Prédio: UNIGRANRIO
Sala: Sala 6
Data: 2015-10-30 02:00  – 04:00
Última alteração: 2015-10-25

Resumo


Esta pesquisa estuda a influência da política de recompensa nos níveis de motivação, baseando-se na percepção dos trabalhadores de uma indústria farmacêutica localizada no Rio de Janeiro, e identifica entre as características percebidas da política quais impactam a motivação, quanto a transparência das regras, justiça na sua aplicação e a controlabilidade do trabalhador sobre sua trajetória na empresa. A literatura diferencia a motivação em intrínseca, entendida como estímulos próprios do indivíduo, e extrínseca como resultado das intervenções ou recompensas externas vinculadas ao trabalho, de modo que nesta pesquisa busca-se observar o nível de motivação segundo esses dois conceitos, que são as variáveis explicadas do modelo. Os dados foram coletados por meio de questionário estruturado e examinados por análise fatorial e regressão linear múltipla. Os resultados mostram que a justiça da compensação monetária é uma característica que exerce influência positiva, estatisticamente significativa e relevante, tanto na motivação extrínseca quanto na motivação intrínseca. Os resultados também mostram que a controlabilidade do sistema de promoção exerce influência positiva na motivação extrínseca, já a transparência da compensação monetária revelou influência negativa na motivação intrínseca. Como contribuição, este trabalho considerou que o modelo de análise oferece auxilio gerencial, além de fortalecer teorias e estudos acerca do tema.

Texto completo: PDF